SEGURANÇA PARA IDOSOS – A CONVIÊNCIA

SEGURANÇA PARA IDOSOS – A CONVIÊNCIA

IDOSO SEGURO SEMPRE

Série de 4 artigos sobre a segurança para idosos. No final desta página você vai encontrar o cainho para as outras matérias.

SEGURANÇA PARA IDOSOS – A CONVIÊNCIA

Na parte III, abordamos temas importantes para a segurança de todos. Principalmente do idoso mostrando os golpes mais frequentes contra pessoas idosas.

SEGURANÇA PARA IDOSOS – A CONVIÊNCIA

A seguir, dando continuidade à matéria, abordaremos mais algumas dicas que poderão ser muito úteis se colocadas em prática.

Dicas de Segurança

SEGURANÇA CONTRA ACIDENTES

  • A instalação de corrimãos é muito importante para pessoas idosas;
  • Evitar manter tapetes que facilmente escorreguem e propiciem quedas. Prenda-os com fita adesiva nas bordas quando forem essenciais;
  • Fazer caminhadas e exercícios físicos, sempre que possível. São essenciais para o fortalecimento da musculatura e diminuição da possibilidade de quedas;
  • O uso de bengalas é importante para as pessoas idosas que possuem fraqueza muscular e dificuldade visual;
  • Desligue o gás no botijão ou na fonte, verificando sempre antes de sair de casa;
  • Use algum tipo de despertador ou cronômetro para não esquecer alimentos no fogo;

PARA QUEM CUIDA OU CONVIVE COM IDOSOS

Muito da segurança do idoso depende das pessoas que cuidam dele. Nnão apenas quanto a se evitar acidentes ou questões de saúde, mas também na sua segurança contra delitos. Por isso, a título de reforço do que tratamos acima, cabe lembrar:

SEGURANÇA PARA IDOSOS – A CONVIÊNCIA

  • A maioria dos problemas de segurança da pessoa idosa são decorrentes das suas relações familiares e de convivência. Seja pelo abandono por parte de quem deveria cuidar, seja por delitos praticados contra essa categoria de pessoas;
  • Um número considerável de idosos são vítimas de delitos e acidentes pelo fato de viverem só e de raramente receberem visitas.
  • Visite periodicamente a pessoa idosa ou pelo menos ligue para ela. Isso evita problemas como a depressão decorrente da solidão;

PACIÊNCIA

  • Tenha paciência com a pessoa idosa. Há um número grande de delitos praticados contra idosos que ocorrem por responsabilidade direta ou indireta de pessoas que cuidam delas ou com elas convivem;
  • É fundamental lembrar que um dia todos seremos pessoas idosas. Então precisaremos em maior ou menor grau de algum tipo de auxílio;
  • Procure ensinar aos jovens e às crianças o valor da palavra Respeito, para com todas as pessoas, principalmente às pessoas idosas;
  • Se a pessoa idosa sob sua responsabilidade tem problemas de memória ou lucidez reduzida, procure manter uma vigilância mínima frequente, não apenas para a segurança dela, mas também para a sua e de sua família;

IDOSO SOZINHO

  • No caso de ser perdida a chave de casa, não arrisque, troque as fechaduras;
  • Se a pessoa idosa for sair sozinha, verifique se não está levando bens de valor que seriam desnecessários, para evitar o risco de chamar a atenção de delinquentes;
  • Evite deixar que a pessoa idosa vá só fazer serviços de banco, compras ou outro na qual vá transportar ou manipular dinheiro. Se isso for inevitável procure saber se ela está segura quanto ao uso do caixa automático ou se não seria mais interessante ir numa casa lotérica ou supermercado mais próximo. Aproveite para reforçar as recomendações de cuidado sugeridas;
  • Se há dificuldade de uma pessoa acompanhar sempre a pessoa idosa em saídas, nas quais haja algum tipo de risco, procure criar um sistema de revezamento entre parentes e amigos, para que se reduza ao máximo saídas desacompanhadas. Vítimas isoladas são sempre preferidas por delinquentes;
  • Ao pretender que uma pessoa idosa faça algo que exija certo nível de desenvoltura e, principalmente, se há risco à segurança, analise se ela seria a melhor pessoa para fazê-lo e se é possível que outra (s) pessoa (s) o faça (m);

QUALIDADE DE VIDA

  • Apesar dessas recomendações cabe lembrar que dar oportunidades à pessoa idosa de fazer coisas úteis, em que haja segurança, é fundamental para sua qualidade de vida;
  • Ações ou atividades suprimidas por questões de segurança, devem ser substituídas por outras que não apresentem tais riscos, para que se procure preservar a possibilidade de participação dessas pessoas na vida familiar, profissional e da comunidade em geral;

SEGURANÇA

  • Se você é o familiar ou pessoa responsável pelo cuidado da pessoa idosa e contrata alguém para estar com ela durante momentos de ausência das pessoas que convivem no mesmo ambiente, procure se assegurar de que essa pessoa tenha capacitação adequada e comportamentos compatíveis.
  • Ainda assim, mantenha um sistema de vigilância sobre a conduta dessa pessoa quando ela fica só com a pessoa idosa (inspeções, conversas com a pessoa idosa, atenção para o surgimento de lesões corporais e para o desaparecimento de dinheiro ou objetos);
  • Esteja sempre atento (a) a propostas que a pessoa idosa receba que envolvam questões financeiras e patrimoniais (compras, empréstimos, assinatura de procurações, negociações imobiliárias) ainda que feitas por pessoa conhecida ou mesmo parentes;

COMUNICAÇÃO

  • Mantenha meios de comunicação fácil para idosos que moram sozinhos, contando inclusive com extensões de telefone em diversos cômodos da casa;
  • Colabore para melhorar a qualidade de vida da pessoa idosa, isto faz bem não apenas para ela e para a convivência familiar, mas para a segurança de todos. Pessoas idosas, como qualquer outro ser humano, quando felizes e saudáveis são mais participativas na vida familiar e comunitária. Eles podem ajudar em muitas atividades do cotidiano, como por exemplo, a cuidar da segurança no que for possível e se tornam menos propensas a participar de atritos interpessoais ou a aderir ao uso de bebidas alcoólicas, por exemplo. Tudo isto são fatores de proteção que contribuem para a segurança em geral.

PARA QUEM EMPREGA OU TRABALHA COM IDOSOS

Dar emprego ou trabalhar com uma pessoa idosa não é apenas importante para ela e para a empresa, mas para a sociedade como um todo. Há uma força de trabalho muito grande e muito ensinamento que se pode obter quando se tem uma pessoa nessa condição dentro da empresa.

GRUPO SAUDE

A seguir damos algumas sugestões, para que esta atividade possa ser benéfica também na questão de segurança, principalmente baseando-se no cuidado que deve ter o empregador ou gerente de não lhe expor a riscos:

RESPEITO ACIMA DE TUDO

  • Pessoas idosas no campo profissional precisam de oportunidade e de respeito e não de caridade.
  • Isto não deve ser levado ao extremo, dando-lhes atribuições que as coloquem em risco. Elas podem estar sujeitas a se deparar com situações com as quais não poderiam lidar.
  • É o caso, por exemplo, de ter de transportar bens de valor ou dinheiro para depósitos, compras ou pagamentos;
  • Se a pessoa idosa for manipular dinheiro dentro da empresa (no caixa, por exemplo) faça com que haja outros postos de trabalho próximos. Não a deixe isolada. Isso permitiria que um assaltante a abordasse e a roubasse, sem que isto pudesse ser percebido;

SEGURANÇA PARA IDOSOS – A CONVIÊNCIA

  • Deve-se evitar que essa pessoa tenha a atribuição de abrir ou fechar o estabelecimento. Peincipalmente quando não há mais funcionários presentes para reforçar a segurança nesse momento.

Conclusão

O respeito e a dignidade que o idoso merece ter são deveres  dos seus familiares ou do Estado, e de toda a sociedade.

É dever de todos colaborar para construir uma cultura de proteção a esta importante categoria de pessoas. Numa sociedade com crescente número de pessoas idosas, crescem também os problemas que as afetam. Isto inclui a preservação do direito à segurança que elas têm, não apenas pela existência de leis que resguardem isto, mas fundamentalmente como um dever moral da sociedade brasileira.

Importante também é lembrarmos que a participação da pessoa idosa na sua própria segurança é fundamental. Uma atitude preventiva por parte dos nossos idosos e idosas melhorará muito a sua qualidade de vida, no que tange à sua segurança pessoal e patrimonial. Por isso, as medidas que aqui apresentamos visam criar uma cultura de segurança que melhore, no que for possível, a segurança de todos.

Fonte: Estas dicas, originalmente em forma de cartilha, foram elaboradas pela Academia Policial Militar do Guatupê, PR.

– – x x x – – –

Este texto faz parte da série de 4 artigos sobre a segurança para idosos.  Toque no titulo para encontrar o texto:

LEIA NA PARTE 1: SEGURANÇA PARA IDOSOS – EM CASA

INFORMAÇÕES GERAIS

NORMAS DE SEGURANÇA

SEGURANÇA EM CASA

LEIA NA PARTE 2: SEGURANÇA PARA IDOSOS – FORA DE CASA

NAS RUAS

NAS COMPRAS

NO TRANSPORTE PÚBLICO

NO BANCO

LEIA NA PARTE 3: SEGURANÇA PARA IDOSOS – GOLPES MAIS FREQUENTES

FALSO SEQUESTRO

FALSOS PRESTADORES DE SERVIÇOS

BILHETE DE LOTERIA PREMIADO

GOLPES ENVOLVENDO A PREVIDÊNCIA

GOLPES UTILIZANDO A PESSOA IDOSA

PARA IDOSOS QUE TRABALHAM

LEIA NA PARTE 4: SEGURANÇA PARA IDOSOS – A CONVIÊNCIA

SEGURANÇA CONTRA ACIDENTES

PARA QUEM CUIDA OU CONVIVE COM IDOSOS

PARA QUEM EMPREGA OU TRABALHA COM IDOSOS

MEDICAMENTO SEMPRE NA HORA CERTA!

PORTA COMPRIMIDOS SEMANAL PILBPOX

PORTA COMPRIMIDOS SEMANAL PILBPOX

COMPARTILHAR FACEBOOK

COMPARTILHAR WHATSAPP

– – – 0 0 0 – – –

GOSTOU DESTE ARTIGO? TEM MUITO MAIS!