PASSEIOS PARA A PRIMAVERA

[sg_popup id=”11″ event=”onload”][/sg_popup]

LN-Bem-viver


A primavera é uma estação do ano muito privilegiada: temperatura agradável e muito colorido das flores e marca um momento especial de cada ano. É o momento em que o dia e a noite ficam divididos em tempos iguais. Esse fenômeno é conhecido como equinócio da primavera.

primavera

A primavera é a estação do ano que tem início com o fim do inverno. No Hemisfério Sul, a primavera começa no dia 23 de setembro e termina no dia 21 de dezembro. A principal característica da primavera é o reflorescimento da flora, sendo considerada a estação mais florida do ano. Esse período é marcado por belas paisagens formadas pela natureza, com uma grande diversidade de flores, tais como orquídeas, jasmins, violetas, hortênsias, crisântemos, entre outras.

Já que é uma época do ano que muitas pessoas adoram por não ser mais tão frio e nem tão quente e as flores começam a brotar e deixar as cidades do Brasil ainda mais bonitas, uma boa opção é fazer aquela sua viagem tão sonhada nessa época. Os destinos não estão tão cheios e é possível apreciar lindas paisagens em meio a um clima agradável, seja esse destino um destino de campo, de praia, de montanha ou de cidade.

A seguir, algumas sugestões de locais para que você possa conhecer e aproveitar essa estação tão bonita:

GRUPO SAUDE

Joinville (SC)

joinville

A cidade de Joinville é conhecida como cidade das flores e está entre os principais produtores de flores e plantas ornamentais de Santa Catarina, tendo 60 produtores em atividade e uma área plantada de 180 hectares. Ela realiza nessa época do ano o Concurso de Jardins, o Concurso Menina Flor, o Concurso de Rainha e a Feira da Primavera e a Festa das Flores que acontece de 10 a 15 de novembro. O destaque fica com as mais de 4,5 mil orquídeas expostas no evento. Vale informar que a Festa das Flores acontece somente a cada 2 anos em Joinville.

Blumenau (SC)

blumenau

Cidadezinha pacata do interior de Santa Catarina, Blumenau ganha em outubro status de capital brasileira da Alemanha. Isso por que abriga, neste período, a versão brasileira da Oktoberfest, festival que surgiu em Munique e celebra as tradições alemãs. Além de roupas típicas, chucrute e salsichão, as principais estrelas da celebração são as cervejas artesanais que animam a festa concentrada na Vila Germânica. O complexo, construído próximo ao centro da cidade, conta com bares, restaurantes e lojinhas, além de um galpão enorme para receber os visitantes que vêm do Brasil inteiro. Este ano, o evento acontece de 8 a 26 de outubro.

Holambra (SP)

holambra

A cidade de Holambra também sustenta o posto de cidade das flores e é uma das mais charmosas cidades do interior de São Paulo. A arquitetura da cidade é de origem holandesa e tem flores por todo o canto da cidade. Ela também sedia anualmente a Expoflora, a maior feira de flores da América Latina. Holambra possui mais de 300 produtores de flores. Entre os atrativos estão: a exposição de flores ornamentais, a chuva de pétalas, a mostra de paisagismo, o shopping das flores e o passeio turístico pela cidade.

Jardim Botânico de São Paulo (SP)

jardim-botanico-saopaulo

Uma grande alameda cercada por árvores imponentes dá boas-vindas aos visitantes. Para quem gosta de tranquilidade, este é o lugar. Com 360 mil m2 de área verde, lindas paisagens, lago, pequenas trilhas e mais de 380 espécies de árvores, é perfeito para curtir a natureza e tirar muitas fotos. O Jardim Botânico tem várias atrações, como o museu botânico, as escadarias históricas, a estufa de plantas, o Jardim dos Sentidos, onde é possível tocar e cheirar as plantas para sentir a textura e aroma, a trilha da Nascente, em que passamos por uma passarela em meio a mata atlântica e chegamos às nascentes do Riacho do Ipiranga, e o lindo Lago das Ninfeias, flores aquáticas nas cores amarela, roxa e rosa, que são o símbolo do Jardim Botânico.

Campos do Jordão (SP)

campos-do-jordao

Além de ser um pontos turísticos mais visitados durante o inverno, Campos do Jordão também é famosa por suas flores. Durantes os meses Julho e Agosto ocorre até mesmo a “Festa da Cerejeira”, flor que cerca a cidade e deixa a paisagem ainda mais linda. Localizada na Serra da Mantiqueira, Campos do Jordão é com certeza um dos mais belos destinos para se visitar na primavera.

Atibaia (SP)

atibaia

Diferentemente de Joinville, a cidade de Atibaia, que herdou as tradições japonesas, realiza a “Festa das Flores e dos Morangos” durante o mês de setembro há mais de 30 anos. Essa festa, que ressalta a cultura oriental, expõe suas flores em um pavilhão com mais de mil variedades.

Gramado (RS)

gramado

Para quem quer sentir de fato o clima de primavera, talvez Gramado seja a melhor opção. A cidade da Serra Gaúcha continua a seduzir casais e famílias pelos mesmos motivos do inverno: chocolate artesanal, bons vinhos e clima europeu. Mas nesta época do ano ela fica ainda mais especial quando as hortênsias e outras flores começam a florar e deixar os parques e campos mais coloridos. O Lago Negro, o Parque do Caracol, o Vale do Quilombo e o Pórtico de Entrada é o que destaco de Gramado na primavera da cidade.

Nova Petrópolis (RS)

nova-petropolis

Também na região sul do país está outra cidade repleta de flores, Nova Petrópolis. O município é considerado uma das Rotas Românticas do estado e também está na região das hortênsias. Em outubro, é possível visitar o festival da primavera, o “Frühlingsfest”. Durante essa festa ocorrem concursos, workshops e até mesmo exposições gastronômicas com degustação de flores comestíveis.

Curitiba (PR)

curitiba

Curitiba é outra cidade que se destaca na primavera do Brasil. O centro da cidade antes cinza ganha cor e os parques da cidade ganham aroma de flores e ornamentação diferenciada, com destaque para o relógio de flores, no centro histórico de Curitiba. A cidade também tem o Jardim Botânico repleto de jardins e flores espalhados por todo o canto enchendo os visitantes de vida nova na primavera.

Alter do Chão (PA)

alter-do-chao

É um dos distritos administrativos do município de Santarém, no estado do Pará. Localizado na margem direita do Rio Tapajós, dista do centro da cidade cerca de 37 km. O “Caribe da Amazônia” se revela quando as águas do Rio Tapajós começam a baixar, em agosto. Em outubro, os bancos de areia já viraram praias de água doce perfeitas. O mês tem menos movimento e é ideal para quem quer sossego no interior do Pará.

Foz do Iguaçu (PR)

foz-do-iguacu

Junto com a primavera, as chuvas também chegam à maior parte do território nacional. Se isso não representa boas notícias em algumas viagens, no caso de Foz do Iguaçu a história é diferente. Visitar as Cataratas do Iguaçu quando elas estão no auge, com mais água do que nunca, é uma experiência única. É chance de observar o poder estrondoso da natureza, reverenciando toda sua força e esplendor. Uma vez em Foz, aproveite para dar um pulinho em terras estrangeiras e conhecer um pouco da argentina Puerto Iguazu e da paraguaia Ciudad del Leste, paraíso das compras.

Rio de Janeiro (RJ)

tijuca

Visitar o Rio na primavera é ocasião perfeita para ir além das praias – que certamente estarão mais vazias do que no verão – e curtir um pouco do verde que a capital carioca oferece. O Jardim Botânico, próximo à Lagoa Rodrigo de Freitas, é o mais antigo do País (data de 1808). Além dessa parada obrigatória, há ainda o Parque Nacional da Tijuca, considerado reserva de biosfera pela Unesco, e o Jardim Zoológico, também pioneiro no país. Aproveite também para conhecer a Vista Chinesa, recém-reformada.

compartilhar fb