ENTREVISTA: SAIBA COMO MANTER A PELE SEMPRE JOVEM

Veja esta entrevista com a Dra. Tatiana Villas Boas Gabbi, dermatologista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e formada pela Universidade de São Paulo. Ela nos fala sobre a prevenção e os cuidados que devemos ter para prolongar a aparência jovem de nossa pele.

UAU – A Dermatologia é uma especialização recente na medicina, mas além da sua função tradicional (tratamento de lesões e ferimentos) temos percebido uma grande procura de pessoas que se preocupam com a jovialidade da aparência. Trata-se de uma ramificação da dermatologia, ou tudo faz parte do mesmo trabalho?

Dra. Tatiana – Olá! Obrigada pelo convite! É um prazer receber um convite para falar sobre o meu assunto predileto. Bem, a Dermatologia é na realidade uma especialidade médica muito antiga. Para você ter uma ideia a primeira cadeira formal de Dermatologia em uma Universidade data de 1801 e foi em Paris, no Hospital Saint-Louis. Em 1889 ocorria o primeiro congresso internacional de Dermatologia em Paris, com 100 dermatologistas, sendo 2 deles brasileiros. Porém, desde os egípcios já havia preocupação com as doenças da pele. E mesmo a Bíblia cita as doenças da pele, por exemplo, no capítulo 13 do Levítico. A Cosmiatria é um ramo da Dermatologia que está muito na moda, mas que existe também desde sempre.  Os recursos tecnológicos atuais permitiram a proliferação, popularização e o barateamento dos tratamentos.

UAU – No seu dia a dia profissional, qual a solicitação estética mais recorrente?

Dra. Tatiana – Os pacientes procuram com queixa de manchas, é o que mais incomoda homens e mulheres. Em segundo lugar, há uma preocupação com rugas e finalmente com flacidez. As mulheres mais jovens, recentemente, têm aumentado a procura por tratamentos corporais como gordura localizada, celulite e estrias. Antes disso me procuravam mais por acne e suas cicatrizes.

GRUPO SAUDE

UAU – Muito se fala de “cremes milagrosos” e hidratantes capazes de rejuvenescer a pele. Até que ponto isso é verdade?

Dra. Tatiana – Os cremes hidratantes melhoram bastante a aparência da pele e os ácidos têm a capacidade de tratar manchas e acne, além de melhorar a aparência de rugas finas. No entanto, não há impacto muito significativo apenas com o uso de cremes. Para as pessoas que precisam e desejam um tratamento mais agressivo eu recomendo procedimentos dermatológicos com tecnologia de laser ou injetáveis, como preenchimentos, bioestimuladores e toxina botulínica. E aí os cremes são importantes para preparar a pele para receber esses tratamentos e para manter o resultado obtido por eles.

 

UAU – quais as técnicas mais modernas para manter a pele com aparência jovial por mais tempo?

Dra. Tatiana – Laser, luz pulsada, radiofrequência, ultrassom e ondas acústicas

  • Preenchimentos
  • Bioestimuladores
  • Fios de sustentação
  • Toxina botulínica
  • Peelings químicos
  • Drug delivery
  • Microagulhamento

UAU – Qual o papel do Botox? Algumas pessoas tem o receio de ficarem com o rosto “congelado” depois da aplicação, pois as expressões faciais deixam de existir. Como funciona essa técnica?

Dra. Tatiana – A toxina botulínica é uma substância que paralisa o músculo. Com isso há uma diminuição das rugas. O uso de doses elevadas promove um efeito mais forte e duradouro, mas mais artificial. O ideal é usar doses menores, que irão deixar o paciente com aspecto mais jovem e natural, apesar de durar um pouco menos (de 4 a 6 meses).

UAU – A cirurgia plástica é uma intervenção muito invasiva, existem formas mais leves de eliminar as rugas ou a aparência cansada da face?

Dra. Tatiana – Sim, os procedimentos que mencionei anteriormente. O tratamento deve ser individualizado para cada pessoa, pois as pessoas envelhecem de formas diferentes. Enquanto uns têm muitas manchas e rugas, outros podem ter mais flacidez, nenhuma ruga e poucas manchas. É importante que os pacientes sejam avaliados por um dermatologista que irá propor uma ou algumas linhas de tratamento de acordo com a queixa do paciente e também focando nos fatores de envelhecimento presentes nele.

UAU – A aplicação de fios de ouro realmente ajudam na sustentação dos tecidos, ou trata-se de mais uma lenda?

Dra. Tatiana – Os fios sustentam os tecidos e realmente podem melhorar o aspecto da flacidez. Hoje é comum o uso de fios absorvíveis feitos de ácido poli-L-láctico, que tem a propriedade de estimular a produção de colágeno.

UAU – A vaidade feminina move o mundo desde os mais remotos tempos da antiguidade. Nas últimas décadas houve um grande aumento no número de homens procurando procedimentos e cuidados estéticos. A que se deve isso?

Dra. Tatiana – Não sei dizer ao que se deve, mas é fato! Os homens estão procurando cada vez mais. E isso independentemente de orientação sexual.

UAU –  Colocando de lado as intervenções invasivas, o que podemos fazer para que tenhamos uma pele sempre jovem e saudável, retardando ao máximo o aparecimento das rugas?

Dra. Tatiana – Evitar ao máximo o envelhecimento extrínseco. O envelhecimento intrínseco é determinado geneticamente. Ou você teve sorte de herdar uma boa genética ou não e não podemos fazer nada em relação a isso, mas existe também o envelhecimento determinado pelos agentes externos, o extrínseco. A exposição ao sol e o tabagismo têm efeito direto no envelhecimento cutâneo. Evitar ambos ajuda bastante a retardar o envelhecimento. O uso de filtro solar e de antioxidantes também é recomendado desde cedo.

UAU – Estamos entrando no verão, e os perigos do sol são conhecidos por todos. Já ouvi dizer que a luz artificial também ataca a pele. Devemos tomas cuidado em ambientes fechados também?

Dra. Tatiana – Para as pessoas que têm manchas muito difíceis de tratar, como o melasma, isso pode ser verdade. Uma forma de driblar isso é o uso do filtro solar com cor.

UAU – Em que momento devemos procurar um profissional Dermatologista para retardar os efeitos do envelhecimento?

Dra. Tatiana – Desde o início! Conforme expliquei, o envelhecimento é diferente para cada um de nós. Identificar os seus pontos fracos é fundamental na estratégia de prevenção do envelhecimento.

UAU – Além do sol e da luz, quais os maiores fatores que causam o envelhecimento precoce da pele?

Dra. Tatiana – Repito: tabagismo! Mais até do que o álcool. Mas é claro que o abuso de álcool e drogas também tem um impacto importante no envelhecimento precoce. Basta ver fotos de pessoas que têm esse tipo de vício na internet.

UAU – Finalizando, qual sua orientação para nossos leitores no sentido de manter a aparência da pele com aparência jovial e sadia?

Dra. Tatiana – Viva uma vida saudável, evite o sol sem proteção. O mês de dezembro é o momento que a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) lança a campanha do dezembro laranja. Essa campanha é importante para alertar dos perigos do câncer de pele. Este ano lançamos a campanha “controle o sol”. A ideia é se expor ao sol com parcimônia, sem abusar dele e usando o filtro sempre!

.

.

Dra. Tatiana Villas Boas Gabbi, dermatologista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e formada pela Universidade de São Paulo.

.