CHOCOLATE FAZ BEM À SAÚDE DO IDOSO

CHOCOLATE FAZ BEM

Além de delicioso, o chocolate faz bem à saúde

Os idosos podem se beneficiar das propriedades do chocolate, desde que aliados a uma dieta saudável e exercícios físicos regulares.

Tipos de chocolate

O importante é que os idosos saibam escolher o tipo de chocolate mais saudável.

O com maior teor de cacau de 63% a 72% é o chocolate amargo e por isso mesmo o mais indicado ao consumo.

O chocolate ao leite possui de 36% a 46% de cacau, o meio amargo também muito indicado tem de 52% a 62% de cacau e o chocolate puro tem 100% de cacau e é isento de açúcar e outros aditivos.

O chocolate branco não é muito recomendado por não possuir cacau e apresentar muita gordura e açúcar. Os diabéticos também podem comer chocolate, optando pelos dietéticos por não possuírem adição de açúcar, contudo apresentam mais gordura que o chocolate comum, ou seja, não vale para quem quer perder peso.

curtirFB

GRUPO SAUDE

Propriedades

O chocolate possui propriedades que protegem contra o envelhecimento precoce e de muitas doenças. Nutritivo e saudável, essa delícia com cara de vilão estimula o funcionamento do cérebro, diminui infartos e derrames e é um ótimo aliado em tratamentos e beleza da pele.

Flavonóides

É considerado saudável o chocolate amargo (preto), proveniente do cacau, rico em flavonóides. Essa substância também é encontrada na casca da uva vermelha, e têm poderes antioxidantes, ou seja, combate os radicais livres, as moléculas tóxicas que comprometem o bom funcionamento do organismo e retarda o envelhecimento. Os flavonóides impedem o depósito de placas gordurosas nas artérias, causadoras de infarto e derrame.

Serotonina

Alguns estudos mostram que o chocolate amargo estimula a produção de serotonina (que melhora o humor) e de neurônios. É rico em vitaminas e minerais e é saudável, diferente do chocolate ao leite e do branco, que possuem alto teor de açúcar, gordura e são extremamente calóricos. É também uma ótima fonte de magnésio, cobre, ferro e manganês. Potássio, zinco e selênio também estão presentes em menores quantidades no chocolate amargo.

CHOCOLATE FAZ BEM

Chocolate faz bem à mente

Uma pesquisa realizada na Itália com idosos com mais de 70 anos, mostrou que o consumo do chocolate levou a uma melhora significativa nos reflexos, na capacidade de realizar mais de uma atividade ao mesmo tempo, na memória e no raciocínio, graças aos benefícios dos flavonóides, presentes no cacau, que fazem bem ao coração, além de apresentar um nutritivo composto de proteínas, gorduras, cálcio, magnésio e vitaminas do Complexo B.

Para a pele

Um dos motivos para o envelhecimento da pele são os radicais livres. São substâncias tóxicas produzidas pelo organismo que em condições normais, encarrega-se de neutralizá-las. Mas, quando o nível aumenta, ocorre acúmulo de impurezas. Elas podem gerar desde cansaço até doenças degenerativas, como a osteosporose.

A melhor forma de combater os radicais livres é incluir na dieta alimentos antioxidantes. A alimentação da pele começa de dentro para fora, ou seja, a solução pode estar no que a pessoa consome diariamente, por isso é fundamental a escolha de alimentos saudáveis.

CHOCOLATE FAZ BEM

Polifenol

Outro poderoso antioxidante é o polifenol, encontrado em abundância no chocolate amargo. Esse composto é eficaz no combate à hipertensão, um dos principais fatores de risco para as doenças cardiovasculares. Estudos mostram que quem consome uma dose moderada de chocolate, tem menos risco de sofrer um AVC.

Isso porque os flavonoides, protegem o coração e diminui a inflamação dos vasos até mesmo no cérebro. Além disso, ele pode também dar mais energia e reduzir a ansiedade.

É importante praticar uma atividade física, como uma caminhada, para manter a saúde e evitar ganhar uns quilos ao saborear chocolates.

compartilhar fb

WHATSAPP

– – – 0 0 0 – – –

GOSTOU DESTE ARTIGO? TEM MUITO MAIS!