BENEFÍCIOS DO ÓLEO DE COCO

BENEFÍCIOS DO ÓLEO DE COCO

UM PODEROSO ALIADO PARA NOSSA SAÚDE

São muitos o benefícios do óleo de coco, que pode ser encontrado em duas versões:refinado e o extra virgem. O primeiro é feito a partir do coco seco, e o segundo é feito com o coco fresco. No último caso, ele deve ser extraído até 48 horas após a colheita. Preferencialmente, deve originar  de um fruto que tenha vindo de uma plantação certificada e orgânica.

Características

Normalmente, o óleo de coco é encontrado em estado líquido na temperatura ambiente. Passa para o estado sólido e branco quando colocado em baixas temperaturas.

O normal é que ele não estrague ou fique rançoso mesmo quando armazenado há algum tempo. Seus benefícios ainda são controversos entre a comunidade médica e não representam uma unanimidade entre os especialistas. Mas conquistou fama, principalmente, por ajudar na perda de peso.

Apesar da alta quantidade de gorduras saturadas, o argumento de seus defensores é que elas são, em sua maioria, triglicerideos de cadeia média (TCM), e não de cadeia longa, como normalmente encontramos nos alimentos.

A vantagem disso é que eles são mais bem absorvidos pelo corpo, principalmente no fígado. Logo são convertidos em energia e não se acumulam em forma de gordura no corpo. Eles são os responsáveis pela maior parte dos benefícios do óleo de coco.

CONHEÇA AGORA OS BENEFÍCIOS DO ÓLEO DE COCO

Ajuda a emagrecer:

Quem consome o óleo de coco tem uma maior oxidação das gorduras (processo que causa sua quebra). Quando a gordura é quebrada no tecido adiposo, ela é usada em forma de energia, ou seja, não fica acumulada no organismo. O óleo de coco ajuda a acelerar o metabolismo porque o ácido láurico. Faz com que as células trabalharem de forma acelerada, consumindo assim mais calorias. Isso evita o acúmulo de gordura localizada e, como resultado, favorece a perda de peso. O óleo também seria responsável por aumentar o volume de massa magra.

GRUPO SAUDE

Traz saciedade

Essa sensação é ótima para quem quer perder peso, afinal, quanto menos comemos, menos energia extra armazenamos. Ao consumir o óleo de coco no café da manhã, a tendência é que a quantidade de comida ingerida nas refeições seguintes seja menor.

Afirma-se que o óleo de coco pode ser bem utilizado em dietas, mas para isso é necessário mudar todo o consumo de gorduras do cardápio, Note que já que ele estará suprindo apenas as quantidades de gordura saturada. Você precisará consumir bem menos carnes vermelhas e frituras e priorizar peixes, oleaginosas, grãos como a linhaça e óleos como o azeite.

Melhora a imunidade

O ácido láurico e o ácido cáprico, dois dos TCM do óleo de coco, tem a propriedade de modular o sistema imunológico. Alguns estudos mostram essa relação, mostrando sua eficácia contra fungos, vírus e bactérias, mas os cientistas ainda não descobriram como isso funciona. Uma forma indireta de ele contribuir com a imunidade está na melhora do trabalho do intestino ao eliminar as bactérias ruins.

Evita a prisão de ventre

Alimentos gordurosos normalmente auxiliam na digestão. Isso porque a gordura se mistura às fezes e ao bolo alimentar, facilitando sua passagem pelo sistema digestivo. Além disso, o ácido láurico e suas propriedades antibacterianas eliminam as bactérias ruins do intestino. Favorecem a flora intestinal, melhorando o funcionamento do órgão. Mas, cuidado, o consumo em excesso pode trazer o efeito rebote, causando diarreia.

Ajuda no funcionamento da tireóide

Alguns estudos realizados apontaram que a gordura de coco estimula a função da glândula tireóide, o que faz com que o colesterol LDL produza hormônios antienvelhecimento e ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, obesidade, câncer e outras doenças relacionadas à idade.

Possui ação cosmética

A maioria dos cremes para pele são constituídos por uma grande parte de água e são rapidamente absorvidos pela pele, deixando-as mais macia e menos enrugada, mas o efeito é apenas temporário. Diferentemente dos óleos de coco, ele tem uma ação contínua no combate ás rugas e também na hidratação da pele.

Possui ação dermatológica

Os óleos de coco extra virgem possuem uma sustância que tem um grande poder bactericida na pele. Pode ser utilizado no tratamento de algumas doenças, cicatrizes e feridas, no alívio de queimaduras e em picadas de insetos. Além disso, é muito utilizado para o tratamento de candidíase e herpes.

Deixa os cabelos mais bonitos

A maioria dos óleos não penetram no eixo do cabelo, apenas hidratam a superfície. Por penetrar melhor nos fios, o óleo de coco é o favorito para quem precisa de umidade no cabelo, melhorando também a aparência das pontas duplas e aumentando o brilho.

Melhora a diabetes

A gordura de coco é muito boa para diabéticos, pois proporciona uma sensação de saciedade e reduz a compulsão por carboidratos e doces. Os óleos de poli-insaturados atrapalham a entrada de nutrientes e insulina nas células, já os óleos de coco “abrem suas membranas” e o que ajuda na normalização dos níveis de glicose e insulina.

Combate fadiga crônica e fribromialgia

Até pouco tempo atrás fadiga crônica e fibromialgia não eram reconhecidas pela medicina tradicional. Hoje a situação é diferente, as entidades já são reconhecidas pelo FDA que, inclusive, já liberou medicamentos.

BENEFÍCIOS DO ÓLEO DE COCO

FIQUE ATENTO EM  ALGUNS PONTOS

A Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) inclusive confirma que o ácido láurico presente no alimento tem potencial de aumentar o LDL, considerado um colesterol ruim, contraindicando o óleo de coco para pessoas que tenham colesterol alto. O óleo também não deve ser ingerido por pessoas que tomam anticoagulantes. O ideal é consumir uma colher de sopa diariamente, afinal mais do que isso extrapola a quantidade de gordura saturada diária. Ingerir mais do que a quantidade recomendada, resultará em sobrepeso e poderá trazer riscos cardiovasculares devido ao aumento do colesterol. Em alta quantidade, ele pode causar diarreia. Vale a pena acrescentá-lo a preparações frias, como saladas e sucos de frutas. Caso queira incluí-lo em pratos quentes, use apenas na finalização e não leve ao fogo, para que ele conserve suas propriedades antioxidantes.

Você consegue localizar o óleo de coco em diversos supermercados, farmácias e lojas de produtos naturais, inclusive pela internet. Ele pode ser vendido na versão para uso culinário ou em cápsulas, como suplemento. É importante consultar um especialista antes de iniciar o consumo das cápsulas, para entender a indicação de consumo diário se sem riscos à saúde.

compartilheWHATSAPP

– – – 0 0 0 – – –

GOSTOU DESTE ARTIGO? TEM MUITO MAIS!